comunismo


Jamais haverá um governo proletário

Ao longo de toda a história do movimento comunista, um falso paralelismo entre “partidos burgueses” e “partidos proletários” confundiu toda a visão do processo. Os partidos burgueses são realmente burgueses, porque a burguesia os financia e corta a verba se não desempenham seu papel a contento, mas os partidos proletários só são proletários na intenção […]

Samba-do-comunista-doido

A história do discurso comunista divide-se, “grosso modo”, em três fases: o internacionalismo proletário de Lênin, o terceiromundismo “anti-imperialista” de Stálin a Brejnev e o multiculturalismo globalista de maio de 1968 em diante. O primeiro desapareceu do cenário. O segundo sobrevive, no mundo, apenas como resíduo nostálgico. O terceiro fez da esquerda mundial a serva […]

Regime comunista nos EUA

Se esta lei for aprovada no Senado americano, estará instaurado o regime comunista nos EUA: Senadores Chuck Grassley, R-Iowa, Dianne Feinstein, D-Calif., John Cornyn, R-Texas, e Sheldon Whitehouse, D-R.I. – estes são os inventores da monstruosidade. http://www.wnd.com/2017/06/hide-your-cash-the-governments-after-it/   Paul Watson observa que, para a esquerda, culpar o Islam por 150 mil assassinatos anuais de cristãos […]

Estamento burocrático

Entendem agora por que eu dizia em 2015 que era impossível destruir o esquema petista sem destruir junto o estamento burocrático inteiro? Onde todo mundo tem rabo preso, cada um cujo rabo aparece vai logo mostrar o do vizinho. A diferença é que naquela época estava começando a se formar um poder popular capaz de […]

Lula, o salvador do comunismo Latino-americano

Todo símbolo está preso a uma paisagem, a um lugar, a um tempo, de modo que aos poucos o seu sentido universal se torna opaco. Interpretações teológicas e morais prontas são meros intelectualismos que dão um simulacro de compreensão (embora, no seu conteúdo, possam ser objetivamente verdadeiras) e tornam tudo mais opaco ainda. As artes, […]

Trump, perseguição anticristã e a desonestidade da grande “mérdia”

“Deus não me deu a Roxane porque eu merecia, mas porque eu precisava.”

Agora que a USP está se metendo a fiscal da idoneidade jornalística alheia, é bom lembrar:

http://www.midiasemmascara.org/arquivos/3077-observatorio-de-midia-da-usp-bilionario-esquema-de-poder.html

*

Quando recentemente o Obama fechou o acesso aos refugiados cubanos, ninguém na esquerda reclamou.

O conservadorismo no Brasil

Um país de maioria conservadora sem um só partido conservador, um só jornal diário conservador, um só canal de TV conservador, uma só universidade conservadora, é por si a maior aberração política de todos os tempos

O brasileiro é conservador mas vive num país onde: O conservadorismo é proibido. O anticomunismo é proibido. O antifeminismo é proibido. O antigayzismo é proibido. Para ter o direito de dizer alguma coisinha, o povo tem de fingir que é apolítico e que está apenas “contra a corrupção”. E o mais incrível é que, mesmo preso nessa camisa-de-força ideológica, ainda consegue alguma vitória de vez em quando.

The Enemies Within, novo curso, arrependimento e consciência, etc.

Assisti hoje à première local do filme do Trevor Loudon, “The Enemies Within”, baseado no seu livro homônimo. É com certeza o documentário mais importante já produzido sobre o poder avassalador do movimento comunista americano nas últimas décadas.

País de merda cheio de filhos da puta

odcQuando conheci o Arruinaldo Azevedo, ele não sabia NADA sobre o Foro de São Paulo, e ainda permaneceu incrédulo por alguns anos, quando então começou a alardear que os únicos a falar do assunto na mídia “fomos eu e o Olavo de Carvalho” (nessa ordem).

Assim como ele, inúmeros outros, que sem mim não teriam sabido nada não apenas do Foro de São Paulo, mas de tudo o mais concernente à hegemonia comunista no Brasil, têm de empinar os narizinhos e fazer pose de superiormente independentes, para camuflar a lentidão paquidérmica, a indolência obscena das suas mentes incapazes de perceber algo por si mesmas. Cada um dos que proclamam “nada devo ao Olavo de Carvalho” que trate de provar que já tinha clara consciência crítica da hegemonia comunista no Brasil antes de publicados os meus livros “A Nova Era e a Revolução Cultural” (1993) e “O Imbecil Coletivo” (1996).

Burgueses, o mito da neutralidade, liberais, e o Escola Sem Partido

ogc

Os detalhes e a ementa do curso já estão disponíveis.Visite a página de pré-inscrição: http://goo.gl/rOXo2i

 

O discurso burguês sobre Estado laico e “neutralidade” nada pode contra o movimento revolucionário, pelo simples fato de que é a mãe dele.

O discurso fascista também nada pode, porque é irmão dele.

Nenhum discurso pronto pode nada contra o movimento revolucionário, porque discurso pronto é coisa de velho caquético, frágil como papel queimado.

Só o que pode contra o movimento revolucionário é a inteligência criadora que o engole e supera como a serpente de Moisés engoliu as serpentes dos magos.